Coração Silenciado
926180463
No fundo do poço

E porque há dias em que estamos no fundo do poço e não conseguimos ver a luz! A esperança falta-nos, o ar é insuficiente, os pensamentos transbordantes, a nossa vida parece não ter solução, não há pontos de vista animadores, não há chão debaixo de nossos pés, ninguém disponível para nos dar um abraço ou uma pessoa de confiança para partilharmos o escuro que nos está a consumir. Enfim, no mais profundo do poço mais escuro!

Sim, tem dias que são uma merd*!… Que a vida se torna impossível! Que parece nada fazer sentido e cada instante extremamente difícil de viver.

Aquilo por que passámos foi desumano e cruel. Não merecíamos tal coisa.

Sim, o fundo do poço é um lugar tenebroso e horrível. Quem quer lá estar? Quem é que não quer de lá sair e escapar a esses momentos asfixiantes?

Queres tentar comigo sair de lá?

1º- Vamos respirar fundo e devagar;

2º- Vamos dizer ao mau pensamento: “Não acredito em ti! Só me queres convencer de que não há mais saída!”;

3º- Vamos dizer alto: “Há uma luz em mim!”, “Há uma luz em mim!”;

4º- Abraçamos forte a almofada, choramos e tentamos dormir um pouquinho;

5º-Estás a ver uma pequena saliência no muro do poço? Vamos colocar o pé e subir?

Abraço forte para ti! Obrigada por saíres comigo do fundo do poço!

imagem: unsplash.com

Aceitar a mudança

By Maia Duerr

No meio de situações difíceis, às vezes digo a mim mesma de uma forma muito sombria: “A minha vida nunca mais será a mesma”. Então percebi como essa afirmação é tola – ou pelo menos como é enganoso pensar na mudança apenas no sentido negativo.

A afirmação de que a nossa vida nunca mais será a mesma não é falsa. Na verdade, é verdade em todos os momentos! A mudança está sempre a acontecer. Às vezes a mudança é para o “bem”, às vezes é doloroso. Mas nunca podemos saber o resultado final de uma mudança.

O que pode parecer horrível hoje pode, a longo prazo, ser exatamente o que precisamos para nos levar para a próxima etapa da nossa vida. Se pudermos aprender a inclinar-nos para a mudança em vez de resistir a ela, encontraremos a possibilidade inerente a uma situação.

imagem: unsplash.com